Quem não gosta de algo diferente e desconhecido? Em 1993 tive meu primeiro contato com a Leitura de Rosto e, o que me fascinou foi exatamente o fato de que o rosto está aí para todos verem, não suas expressões, mas sim o conjunto de suas formas.

Sempre fui muito cético, só acredito nas coisas quando vejo acontecendo e funcionando. Coisas de quem já foi esperançoso e acreditou... eu estudava o rosto como uma forma de autoconhecimento e de me desconectar, aliviar a mente ao estressante trabalho com informática.

A cada leitura que fazia, a cada nova descoberta, quanto mais me entendia, mais me reconhecia e mais este mundo me fascinava.

Por motivos pessoais, acabei procurando formas alternativas para tratar algumas dores e problemas físicos, fiz vários cursos de massagem - relaxante, quiropraxia, shiatsu - e comecei a trabalhar com isso no meu tempo vago. Em 2005 parei definitivamente de trabalhar com informática e fui trabalhar com terapias complementares.

Em 2006 a gerente de um banco me chamou para trabalhar com quick massage na sua agência para melhorar o clima organizacional - brigas e discussões eram frequentes dentro da agência - e foi ali que usei pela primeira vez a leitura de rosto a favor de uma empresa.

Escutando as reclamações dos colaboradores do banco e unindo essas informações ao que seus rostos me passavam, propus a ela que alterasse a função de algumas pessoas, colocando as pessoas mais reservadas para trabalhar longe do público e as mais comunicativas para interação direta. O resultado foi tão bom que ao final de um ano, a agência estava unida como uma família.

Estudei Metafísica e Psicossomática para entender o que os processos mentais poderiam refletir em nosso corpo físico, já que o rosto me fala da nossa personalidade, acabei entendendo que nosso corpo reflete o como nosso inconsciente lida com as regras que a sociedade nos impõem, claro que, levando em conta a educação que tivemos e nossos valores.

Em todo processo temos o que muitos chamam de "os diálogos da mente", e são eles que afetam nosso corpo. Agora mesmo você deve estar se perguntando se deve acreditar nisso que está lendo ou não.

Além deste site, tenho também o www.LeituraDeRosto.com.br, com um pouco mais de informações sobre o tema, e foi através dele que várias revistas, portais e emissoras de TV, através dele cheguei na mídia.

Em 2009 comecei então a graduação em Tecnologia em Recursos Humanos, e em seguida fiz a Pós Graduação em Psicologia Organizacional, com o intuito de aprender o que o mercado necessita das pessoas e desenvolver uma ferramenta para a área de Gestão de Pessoas, focado na Identificação e Retenção de Talentos.

Já havia ministrado cursos de Leitura de Rosto para professores de algumas universidades, tenho feito treinamentos em várias empresas focado em Gestão de Pessoas mas 2017 e 2018 estão sendo anos de muitas realizações, algumas universidades me convidaram para ensinar a Leitura de Rosto como uma ferramenta de Seleção de Pessoas para cursos de Pós Graduação, tanto na área de Gestão de Pessoas como para Finanças e gestão de Projetos (em todos os lugares trabalhamos com seres humanos, não é verdade?).

Como este não é um assunto de amplo conhecimento, fique a vontade para acessar meu canal no YouTube e, caso queira levar os cursos e palestras para sua cidade / universidade, escreva-me no e-mail Fabio@Pellozzo.com.br ou mande mensagem via WhatsApp para (11) 95055-5668

Caso este assunto lhe interesse, procure por Metafísica da Saúde, por Morfopsicologia, Fisiognomonia/ Fisiognomia, Linguagem do Corpo.

Bons estudos!
Compre seu Manual de Fisiognomonia